sexta-feira, 7 de abril de 2017

Prefeito de Coelho Neto - MA volta atrás e mantém ajuda de custo para a APAE

Do Blog Direto ao Assunto 

Foto: Blog do Raimundo José
Educação e Saúde são direitos fundamentais dos cidadãos. As medidas do prefeito Américo de Sousa (PT) indicam, claramente, a falta de planejamento e gestão dos recursos públicos.
Compreendemos que os cortes feitos pela gestão petista não são medidas de economia, mas sim, um retrocesso nas políticas públicas conquistadas ao longo dos últimos anos pela luta dos profissionais e da população;
Adicionado a esses cortes estava o repasse da verba, enviada pelo governo federal ao Fundo Municipal de Saúde - FMS, para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE, o que motivou a paralisação da Escola Especial Joaquim Aurélio Silva por tempo indeterminado. Neste ano, até ontem, 06, o FMS já recebeu mais de 4 milhões de reais.
(Foto: Arquivo DA) ônibus doado pela gestão anterior
Pressionado pelo desgaste da medida, o prefeito finalmente resolveu manter a destinação desse dinheiro para a instituição. O atendimento da Escola Especial só ainda não foi retomado porque o micro-ônibus que serve de transporte para os alunos não foi ainda disponibilizado por falta de pneus! Seria cômico se não fosse triste. Educação e Saúde são investimentos, não gastos! As famílias dos excepcionais aguardam ansiosas que tudo se resolva até segunda-feira, 10. Nossa reportagem procurou saber mais detalhes junto a APAE, mas fomos informados que a presidente Marlene Coelho não se encontrava e ninguém estava autorizado a falar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário